Home
Botao pesquisar - Imip

busca

Arquivos

ASCOM

Juliana Guerra

Maiara Andrade

Ísis Lima

Assembleia Legislativa celebra centenário do médico Fernando Figueira e 59 anos do IMIP

A Assembleia Legislativa de Pernambuco homenageou na noite desta quarta (05) o centenário de nascimento do Professor Fernando Figueira. A solenidade, proposta pelo deputado Isaltino nascimento, foi presidida pelo presidente da Alepe, deputado, Eriberto Medeiros, que ressaltou a grandiosidade do IMIP, maior obra do homenageado, considerado atualmente o maior hospital filantrópico 100% SUS (Sistema Único de Saúde) do Brasil. “Possui mais de mil leitos e realiza 600 mil atendimentos anuais, beneficiando crianças, adultos e idosos. Além da assistência médica, a instituição é referência em ensino, pesquisa e extensão”, pontuou. A Reunião Solene também celebrou os 59 anos de fundação do IMIP.

Secretários, deputados e autoridades prestigiaram o evento. A presidente do IMIP, Silvia Rissin, compôs a mesa ao lado do filho do homenageado, Antônio Carlos Figueira. A superintendente-geral do IMIP, Tereza Campos, prestigiou o evento, assim como diretores do IMIP , médicos e amigos.

Para Isaltino Nascimento, o professor Fernando Figueira – falecido em abril de 2003, aos 84 anos -, é uma referência no exercício da medicina social por ter desenvolvido interesse direcionado a atuar na assistência aos mais pobres, desde muito cedo. “A grandeza do seu legado é inegável. E nada mais honroso para mim propor esta solenidade em homenagem a este grande homem”, enfatizou.

O parlamentar também citou trechos de pensamentos do médico: “Conscientemente ou não, o homem somente se realiza plenamente, quando se esquece de sua individualidade, se eleva e se projeta como parte integrante do imenso corpo social ao qual pertence”. Nascimento completou dizendo que a medicina social foi gestada por Fernando Figueira e virou modelo, que, até hoje, torna-o figura emblemática no Estado, no Brasil e no mundo. “Temos muitos motivos para zelar por sua memória.”

A presidente do Imip, Silvia Rissin, afirmou que comemorar os 59 anos da entidade é motivo de orgulho imenso. “Saber que milhares de pessoas das camadas sociais mais desfavorecidas têm lá encontrado assistência à saúde e uma acolhida humanizada, sendo beneficiadas com uma medicina segura e eficaz, deixa-nos com a satisfação do dever cumprido”, declarou. O médico Antônio Carlos Figueira, filho do homenageado, agradeceu em nome da família: “É motivo de muito orgulho e grande felicidade essa cerimônia, que parte da Casa do Povo e foi aprovada por unanimidade”.

A Reunião Solene teve, ainda, apresentação da Orquestra Divina Sinfonia, do Serviço de Tecnologia Alternativa (Serta), de Glória do Goitá, que interpretou clássicos da música popular brasileira (MPB).

Centenário - Fernando Jorge Simão dos Santos Figueira nasceu em Figueira da Foz, em Portugal, em fevereiro de 1919. Poucas semanas depois, o recém-nascido embarcava em companhia dos pais, Joaquim e Maria Alice Pedrosa Figueira, para residir em Pernambuco. Em 1940, graduou-se pela Faculdade de Medicina do Recife. Trabalhou no Interior de Alagoas, onde prestou atendimento a pessoas em condição de extrema pobreza.

Posteriormente, seguiu para São Paulo, onde passou nove anos atuando no Hospital das Clínicas e na Clínica Pediátrica da Universidade de São Paulo (USP). Depois, viajou para os Estados Unidos, o México e a França. No retorno ao Recife, começou a lecionar na Faculdade de Ciências Médicas da Universidade Federal de Pernambuco (UFPE). O Imip começou a surgir em junho de 1960, quando Figueira, com apoio de um grupo de médicos, decidiu criar um hospital para atender crianças pobres no Recife.

• Com informações ASCOM/ALEPE

Publicado em 06/06/2019 08:30

busca

Arquivos

ASCOM

Juliana Guerra

Maiara Andrade

Ísis Lima

Logo - Imip

(81) 2122.4100

Rua dos Coelhos | 300 Boa Vista - Recife - PE - Brasil | CEP 50070-902

(81) 2122.4100