Home
Botao pesquisar - Imip

busca

Arquivos

ASCOM

Juliana Guerra

Maiara Andrade

Ísis Lima

Transplante

IMIP realiza o primeiro transplante de coração de 2022 de Pernambuco

A equipe de transplante de coração do IMIP, liderada pelo cirurgião cardiovascular, Fernando Figueira, juntamente com a Organização de Procura de Órgãos do Hospital Dom Malan (OPO), em Petrolina, e a Central de Transplantes do Estado (CT-PE), estiveram juntos na última semana em uma missão de sucesso: a realização do primeiro transplante de coração de 2022. 

Os órgãos foram transportados pela Força Aérea Brasileira. “Sem dúvida é um marco importante, e um trabalho que envolve várias frentes em prol da vida. A doação é um sopro de esperança e um lindo gesto de amor”, pontuou a enfermeira gerente da OPO Évora Leal.

A cirurgia de transplante cardíaco foi realizada no IMIP no sábado (08/01) e o receptor está evoluindo bem, informou dr. Fernando Figueira.

Vale lembrar que pela legislação brasileira, não adianta deixar expresso em documento, ou mesmo registrado em cartório, o desejo de realizar a doação de órgãos, pois a palavra final caberá sempre aos parentes.  Por isso destacamos a importância de todas as pessoas deixarem seus familiares da vontade de ser um doador de órgãos.

É um processo totalmente seguro e legal. A doação só acontece por autorização da família, após confirmação inequívoca do falecimento pelo diagnóstico de morte encefálica, estabelecido em legislação através de exames clínicos e de imagem que compõem o protocolo de ME. Cada doador pode salvar, pelo menos, de 4 a 5 vidas.

 

Publicado em 12/01/2022 11:41

busca

Arquivos

ASCOM

Juliana Guerra

Maiara Andrade

Ísis Lima

Logo - Imip

(81) 2122.4100

Rua dos Coelhos | 300 Boa Vista - Recife - PE - Brasil | CEP 50070-902

(81) 2122.4100

Usamos cookies e métodos semelhantes para reconhecer os visitantes e lembrar suas preferências. Ao escolher "CONCORDO", você concorda com o uso de todos os métodos por nós e por terceiros. Para saber mais consulte nossa Política de Privacidade.

CONCORDO