Home
Botao pesquisar - Imip

Mestrado Profissional em Avaliação em Saúde

O Programa de Pós-Graduação em Avaliação em Saúde do IMIP, reconhecido com conceito 4 pela Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES), foi aprovado pela Capes em 2009 e iniciado o 1º ano letivo em maio de 2010 com o Curso de Mestrado Profissional em Avaliação em Saúde. O curso possui entrada de nova turma a cada dois anos.

O contexto institucional para o desenvolvimento e consolidação do Programa no IMIP é favorável. O IMIP possui o Grupo de Estudos de Gestão e Avaliação em Saúde (GEAS), cadastrado no Diretório de Grupos de Pesquisa do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq) desde 1999. Este grupo representa um campo de pesquisa e formação na área de avaliação em saúde, sendo composto por pesquisadores doutores, mestres e especialistas que integram o corpo docente permanente e colaborador do Programa de Pós-Graduação em Avaliação em Saúde. O GEAS atua no desenvolvimento teórico e prático do campo da avaliação em saúde. Desenvolve suas atividades em parceria com instituições nacionais e internacionais, tendo as seguintes áreas de atuação: (i) desenvolvimento de atividades de ensino e formação, promovendo a capacidade técnica dos profissionais de saúde; (ii) realização e assessoria da produção de estudos e pesquisas; (iii) atuação como colaborador na área de monitoramento, avaliação e processos de gestão para organizações de saúde; (iv) desenvolvimento de atividades de avaliação institucional; (v) disseminação de conhecimentos no campo da avaliação e da gestão; (vi) desenvolvimento de ações integradas junto a outros grupos de pesquisa do IMIP e de outras instituições de ensino e pesquisa; e (vii) contribuição para a institucionalização das práticas de avaliação, com foco na área de saúde no país.

Objetivos

Formação de pessoal qualificado para o exercício das atividades de ensino, de pesquisa e de planejamento e gestão de serviços, no campo da avaliação em saúde.

O Curso de Mestrado Profissional em Avaliação em Saúde tem como objetivos específicos:

1. Formar mestres em avaliação em saúde com competências e habilidades para realizar trabalho avaliativo, enfatizando sua incorporação à prática institucional nos diversos níveis de atuação.

2. Difundir conhecimentos, métodos, técnicas e instrumentos de trabalho na área de avaliação em saúde.

Linha de Pesquisa

Avaliação das Intervenções de Saúde

Esta linha de pesquisa visa apoiar as políticas nacionais de saúde, orientadas por resultados, que geram uma necessidade crescente para a qualificação de investigadores/avaliadores com as competências básicas requeridas para responderem a esta demanda. Seu principal objetivo é, portanto, apropriar os diferentes tipos de avaliação às diversas áreas de ação e especificidades dos programas e serviços de saúde. As abordagens metodológicas priorizadas se orientam por um enfoque participativo, a contextualização das ações programáticas, a validade interna e externa dos dispositivos de investigação (modelagem teórica, desenho dos estudos, observações e medidas) que garantam e documentem a qualidade e a utilidade de seus produtos através dos padrões de meta-avaliação, articulando a incorporação do conhecimento às inovações e práticas profissionais dessas intervenções.

Estrutura Curricular

O Mestrado Profissional apresenta formato modular (um módulo a cada mês), tendo um mínimo de 90 créditos (1 crédito teórico ou prático equivale a 15 horas), dos quais 16 créditos correspondem às disciplinas/módulos obrigatórios, 45 créditos para os momentos não presenciais (dispersão entre os módulos), 20 créditos para a dissertação e 09 créditos para disciplinas eletivas e/ou tarefas/estudos especiais, desde que autorizados pelo Colegiado do Curso. No total, o curso possui uma carga horária mínima de 1.350 horas.

Obtenção do Título

A obtenção do título de Mestre em Avaliação em Saúde se dará com o cumprimento de uma carga horária mínima de 1.350 horas, com duração de 18 (dezoito) meses, obtendo no mínimo 90 créditos, sendo assim distribuídos:

- 16 créditos: Disciplinas/módulos obrigatórios.
- 09 créditos: Disciplinas optativas e/ou tarefas/estudos especiais, desde que autorizados pelo Colegiado do Programa.
- 45 créditos: Momentos não presenciais (dispersão entre os módulos).
- 20 créditos: Preparo e defesa da dissertação.

A Defesa da dissertação só poderá ser realizada após a conclusão dos créditos relacionados às disciplinas/módulos obrigatórios (16 créditos), às disciplinas optativas e/ou tarefas/estudos especiais (09 créditos) e aos momentos não presenciais (dispersão entre os módulos - 45 créditos).

Seleção

Resultado final 

 

Através de Seleção Pública.

A seleção constará das seguintes Etapas:
Etapa I - Prova Escrita- Conhecimentos Específicos e Compreensão de Língua Inglesa.
Etapa II - Análise de Curriculum Vitae.
Etapa III – Entrevista

Resultado final do processo seletivo

Resultado da 1ª etapa do processo seletivo 

Confira a errata 

Confira o edital de seleção para a turma 2020

Confira a ficha de inscrição 

Regimento Interno

Equipe

Coordenadora: Isabella Chagas Samico

Vice-coordenador: Eronildo Felisberto

Secretária Executiva: Ana Telma Araripe

Secretária Acadêmica: Diana da Conceição Bezerra

 

Horário de atendimento

De 08:00 às 12:00 e 14:00 às 16:00 horas

Infraestrutura

Os Programas de Pós-Graduação do IMIP dispõem de um prédio de dois pavimentos com 400 m2 de área total com 7 (sete) salas de aula (30 lugares/sala com equipamentos audiovisuais e com acesso à internet), uma sala para os docentes com uma mesa para reunião e computador com internet, uma copa, 2 (dois) sanitários e área de circulação.

Laboratório de Informática: Sala de 70 m2 com 18 computadores ligados à internet e equipados com programas de edição de texto, planilhas eletrônicas e pacotes estatísticos para análise de dados das pesquisas; como os "softwares" específicos "EPI-INFO", "Statistics" e "SPSS". O laboratório conta com equipamento de projeção de multimídia. Laboratório de Telessaúde: 2 Salas de 55 m2 com capacidade para 30 pessoas, equipada com aparelhagem para transmissão e recepção de áudio e imagem.

O Programa de Pós-Graduação em Avaliação em Saúde dispõe de uma sala destinada à Coordenação do Programa, com 2 computadores, impressora e mesa para reuniões. Em espaço contíguo, o Grupo de Estudos de Gestão e Avaliação em Saúde (GEAS/IMIP) funciona em uma sala com 10 computadores, 2 impressoras e biblioteca com acervo relacionado aos temas de Gestão e Avaliação em Saúde.

Os estudantes contam com os produtos e serviços oferecidos pela Biblioteca Ana Bove, Trata-se de uma biblioteca especializada em saúde com a missão de dar suporte e oferecer serviços informacionais aos estudantes dos cursos vinculados ao IMIP (graduação e pós-graduação), bem como os profissionais que integram todos os setores da instituição.

No Grupo de Estudos de Gestão e Avaliação em Saúde (GEAS/IMIP) há um acervo bibliográfico específico para a área de gestão, avaliação em saúde e saúde pública. Possui em torno de 240 títulos entre documentos institucionais/governamentais, livros textos e periódicos nacionais e internacionais, específicos para a área de gestão e avaliação em saúde.

O IMIP dispõe de uma homepage (www.imip.org.br), acesso à internet (banda larga, Wi-Fi).

Intercâmbios

O Programa desenvolve intercâmbios com instituições nacionais e internacionais por meio de atividades de apoio ao financiamento de turmas para o curso de ensino (docência em disciplinas, elaboração de curso em avaliação em saúde, qualificação profissional dos docentes do Programa, orientações e coorientações conjuntas), pesquisa (projetos de pesquisa, visitas técnico-científicas, seminários e congressos) e produção técnico-científica (publicação de artigos, livros/capítulos de livros e produtos técnicos).

Intercâmbios nacionais: Ministério da Saúde, Secretaria Estadual de Saúde de Pernambuco, Escola Nacional de Saúde Pública/Fiocruz, Instituto Aggeu Magalhães/Fiocuz, Universidade Federal de Pernambuco, Universidade Federal de Pelotas, Universidade de São Paulo/Departamento de Medicina Preventiva/Faculdade de Medicina, Conselho Nacional de Secretários de Saúde (CONASS).

Intercâmbios internacionais: Instituto de Higiene e Medicina Tropical/Universidade Nova de Lisboa, Consorci de Salut i d´Atencio Social de Catalunya / Barcelona – Espanha.

Solidariedade e Nucleação

Os docentes do Programa participam em orientações de alunos, aulas e bancas nos demais Programas de Pós-graduação (lato e stricto sensu) do IMIP e de Programas de outras instituições de ensino e pesquisa. Prestação de serviços de assessoria técnico-científica a órgãos de fomento, associações científicas, periódicos, Secretarias Estaduais e Municipais de Saúde, Ministério da Saúde. Participação em projetos de pesquisa conjuntos com outras instituições de ensino e pesquisa.

Os grupos de pesquisa do IMIP agregam pesquisadores e todos os docentes do Programa têm participação ativa nos referidos grupos.
A Revista Brasileira de Saúde Materno Infantil (RBSMI) tem o seu núcleo editorial composto por docentes permanentes do Programa de Pós-graduação em Avaliação em Saúde do IMIP.

Os egressos do Programa fazem parte, em sua maioria, do corpo técnico e gestor de Secretarias Municipais e Estaduais bem como de serviços diretamente relacionados à assistência no âmbito do Sistema Único de Saúde. Considerando o perfil dos alunos das turmas com financiamento da Secretaria Executiva de Vigilância em Saúde/Secretaria Estadual de Saúde - PE, uma parte desses egressos encontra-se vinculada ao campo da vigilância em saúde nas suas diversas áreas (epidemiológica, ambiental, emergências em saúde pública, monitoramento e avaliação).

Alguns egressos encontram-se vinculados a instituições de ensino e pesquisa (universidades, centros de pesquisa) como docentes de programas de graduação e pós-graduação bem como discentes de programas de doutoramento.

Programa realiza acompanhamento dos egressos por meio de busca de informações no CV Lattes, envio de formulário para preenchimento via e-mail e contatos telefônicos.

Inserção Social

Formação de recursos humanos qualificados em gestão e avaliação em saúde para o corpo técnico e gestor de Secretarias Municipais e Estaduais e de outros serviços no âmbito do SUS em Pernambuco e de outros estados. O curso de Mestrado Profissional em Avaliação em Saúde conta com estudantes e egressos advindos de diversos municípios pernambucanos e de outros estados.

Produção de conhecimento científico vinculada à atuação profissional dos mestrandos, com a abrangência regional dos alunos o que confere também magnitude de estudos em diferentes localidades, sobretudo da região nordeste. Os projetos de dissertação estão vinculados à rotina de trabalho dos alunos, tendo elevado potencial de colaborar com o fortalecimento da capacidade técnica dos profissionais e com o aprimoramento das ações e práticas do SUS. A avaliação em saúde, como objeto de estudo nas disciplinas e nos projetos de pesquisa poderá ter aplicação direta na rotina dos serviços de saúde, ao propiciar aos alunos conhecimentos de métodos e técnicas de investigação (monitoramento de indicadores e avaliação das intervenções); e apresentar evidências científicas por meio dos produtos, seja em formato de dissertação ou projetos de inovação/intervenção, para subsidiar a decisão técnica e/ou política e promover mudança nas organizações de saúde.

Internacionalização

Cooperação técnico-científica com o Instituto de Higiene e Medicina Tropical/Universidade Nova de Lisboa (IHMT/UML): atividades de intercâmbio docente com visitas técnico-científicas, orientações conjuntas de mestrandos, participação em eventos científicos, qualificação do corpo docente do Programa (Doutorado em Saúde Internacional do IHMT/UNL).

Pesquisa multicêntrica internacional - “Pesquisa Equity LA II” coordenação do Consorci de Salut i d´Atencio Social de Catalunya / Barcelona/Espanha: atuação de docentes do Programa na coordenação e na equipe de pesquisadores deste estudo no Brasil. Desenvolvimento de dissertações de mestrandos do Programa e publicações científicas e relatórios/produtos técnicos em coautoria com docentes, discentes e pesquisadores da equipe do Consorci (Espanha).

Contato

Logo - Imip

(81) 2122.4100

Rua dos Coelhos | 300 Boa Vista - Recife - PE - Brasil | CEP 50070-902

(81) 2122.4100